Cirurgia Ortognatica

A cirurgia ortognática é uma área de atuação da Cirurgia BucoMaxiloFacial e da odontologia que tem a finalidade em corrigir alterações do crescimento ósseo craniofacial. A partir do reposicionamento das arcadas dentárias, a cirurgia busca devolver ao paciente o equilíbrio facial, uma adequada respiração, simetria e harmonia da face, assim como, todas as funções do sistema estomatognático.

 

A cirurgia está indicada para pacientes com problemas respiratórios, mastigatórios, na fala e deglutição, geradas a partir de uma genética desfavorável e agravadas por fatores ambientais. O tratamento tem o objetivo de melhorar a qualidade de vida do paciente, a partir da normalização de suas funções, melhor estética da face, devolvendo ao indivíduo um melhor convívio social.


O tratamento das alterações de crescimento deve ser multidisciplinar, envolvendo especialidades médicas, odontológicas, fisioterápicas e fonoterápicas, além da pscicologia, nutrição e enfermagem. O intercâmbio entre todas as áreas é fundamental para o sucesso do tratamento.  

 

Normalmente, o primeiro profissional que recebe o paciente é o ortodontista, que prioriza o diagnóstico da face, avaliando suas tendências de crescimento, as inclinações dentárias e a partir de um detalhado estudo do caso, planeja um tratamento envolvendo a cirurgia ortognática e estabelecendo um melhor prognóstico para o caso.

 

Cirurgia e disfunção da ATM

A cirurgia ortognática corrige as alterações ósseas do complexo maxilomandibular, não tratando as patologias da ATM ( articulação temporo-mandibular). Este tipo de procedimento deve ser realizado por profissionais bem treinados, pois se trata de uma cirurgia de alta precisão e com excelentes resultados, quando obedecem todo critério de diagnóstico e indicação para tal.

 

É preciso entender que as dores na ATM podem ser multifatoriais e associadas a fatores musculares, psicossomáticos, e não apenas a disfunções no complexo articular. Assim, o correto diagnóstico, com uso de tomografias computadorizadas e Ressonância Magnética Nuclear das ATMs, é fundamental para as definições de condutas cirúrgicas e/ou conservadoras ( não cirúrgicas).

 

A cirurgia da ATM corrige patologias articulares progressivas, como reabsorções condilares idiopáticas, ósteo-artroses, osteocondromas, hiperplasias condilares, assim como, anquilose da ATM, fraturas condilares, entre outras patologias, e devem ser realizadas associadas ou não a cirurgia ortognática. 

Implantes Dentários

A instalação de implantes dentários são indicados a fim de reabilitar uma ou mais perdas dentárias e, sem dúvida, é a melhor opção de tratamento para estes pacientes. A partir dos implantes dentários, pode-se obter próteses naturais e estéticas que muitas vezes são difíceis de distinguir dos dentes naturais. Devolvendo ao paciente a função mastigatória, qualidade e equilíbrio funcional, podemos fornecer ao indivíduo, segurança e conforto em seu convívio social.

 

Comumente, com a perda dos dentes, existe uma perda gradativa do osso adjacente a eles e assim, tem-se um defeito ósseo na região,  perdendo sustentação e proteção aos tecidos moles. Nestes casos, realizamos reconstruções ósseas previamente a instalação dos implantes, com enxertos ósseos, na tentativa de fornecer ao tecido, após  acomodação destes enxertos, condições para a futura reabilitação com implantes e prótese sobre implantes.

Cirurgias Orais

A Cirurgia Oral abrange  todos os procedimentos cirúrgicos estritos a cavidade oral, desde a extração de dentes inclusos ou impactados, e não inclusos, a cirurgias gengivais, tracionamentos dentários, emergências em trauma dentário, entre outras menores realizadas ambulatorialmente.

 

Cirurgias Patologias de Boca

O cirurgião buco-maxilo-facial é o profissional de referência para o tratamento de lesões da boca, tanto lesões intra-ósseas (cistos, tumores benignos) quanto de tecidos moles. 

Apneia do sono e ronco

A  Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS) é uma doença crônica progressiva caracterizada pela completa interrupção do fluxo aéreo durante o sono. O ronco é um sintoma característico dessa síndrome, assim como, cansaço durante o dia, perda de concentração e produtividade. O ronco  é causado pela vibração dos tecidos moles da orofaringe principalmente durante a inspiração. A apnéia obstrutiva severa deve ser tratada em associação à cirurgia ortognática, para ampliação morfológica dos espaços aéreos e cura da doença.

 

A síndrome gera alterações  sistêmicas pulmonares e cardiovasculares, em especial. Pacientes com SAOS precisam ser tratados com brevidade, pelos riscos da doença e o ortodontista tem papel fundamental no diagnóstico, assim como, o especialista em cirurgia BucoMaxiloFacial e Cirurgia ortognática, no tratamento cirúrgico desses pacientes.

Cirurgia Pré-Protética

Cirurgia pré-protética é aquela realizada com o objetivo de facilitar a adaptação, retenção e manutenção de uma prótese dentro da boca. Esta prótese pode ser uma prótese fixa ou removível, parcial ou total. Durante a cirurgia, o osso e tecido mole (gengiva e músculos) são manipulados de modo que a instalação da futura prótese ocorra sem interferências.

 

As cirurgias pré-protéticas incluem os implantes dentários, enxertos ósseos, reposicionamento de nervo, aprofundamento de vestíbulo, melhora do contorno ósseo e remoção de tecidos em excesso, tanto de osso como de tecido mole.

Avenida Antônio Carlos Magalhães, 585  |  Edifício Pierre Fauchard - salas 605 a 607
Itaigara - Salvador - BA - 41825-000  |  Tel: (71) 3354-2668 - 3354-0227

Website by Dona Juca Design